III FESTIVAL INTERNACIONAL DO CORPO RITUAL

Nesse ano o Festival se tornou internacional e contou com a presença de NorbertoPresta e SabineUitz do Centro de ProduzioneTeatrale Via Rosse da Itália. Estesministraram workshop e apresentaram dois espetáculos: Adágio e El Predilecto deLos Lepidopteros. Outra presença internacional foi a do mestre butô japonês TadashiEndo vindo da Alemanha, apresentando seu solo Tasogare e também ministrandoo workshop sobre o Butoh Ma. Marcaram presença os palhaços do Jogando noQuintal (SP), o Homem Bomba com João Carlos Artigos do Teatro de Anônimos (RJ),em Goiânia novamente a convite do grupo. Também retornou o Barracão Teatro (SP),abrindo o festival com A Freguesia da Fênix, além de A Julieta e o Romeu e workshopministrado por Tiche Viana. O ator Eduardo Okamoto (SP), esteve presente tambémcomovendo o publico com Agora e na Hora de Nossa Hora.

O Teatro Ritual estreouem Goiânia – Travessia – Parte 1: A Partida. E o Lume Teatro (SP), voltou nessa ediçãoencerrando o festival com o belíssimo espetáculo Sopro, com o ator Carlos Simioni.O Festival inaugurou seu formato divido em mostras temáticas: Riso Frouxo, Arte deNão-Interpretar e Solo Cerrado. Na Mostra Solo Cerrado apresentaram-se os solosgoianos de Pablo Angelino, Rosi Campos, Andrea Pita e da carioca Lua Barreto. OFestival encerrou com muita positividade apesar dos cortes orçamentários quesofreu. Foi um festival belíssimo feito com muita raça, amizade e loucura!

< Voltar